Total de visualizações de página

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

PEDREIRENSE DE FUTSAL 2013: VALENSE ESTRÉIA BEM NA COMPETIÇÃO

ATLETA DO VALENSE ANIVERSARIA E QUEM GANHA PRESENTE É A TORCIDA

Isso mesmo. O atleta do Valense aniversariou no último sábado e fechou a vitória do seu time contra o Grupo SP, marcando o quarto gol na vitória de 4x2 e, diga-se de passagem, um GOLAÇO daqueles que não dá pra esquecer.
Vamos tentar narrar a jogada, se isso é possível.
A jogada começou quando ele recebeu uma bola do Karaôi na ala esquerda de sua defesa, o jogo estava em 3x2 para o Valense e recebendo pressão do time adversário, e com tranquilidade deu um giro rolando a bola com uma puxadinha de calcanhar, deixando o adversário pra trás, seguiu com a bola dominada pela ala, driblou mais um com um drible característico do futsal, ou seja, dando uma penteada na bola, drible que o jogador rola a bola com o pé lateralmente, e saiu na cara do gol e aí foi só fuzilar com raiva. Um dos gols mais bonitos que já vistos em Pedreiras. Show de bola.
Preleção comandada pelo capitão Karaôi.
Entretanto o jogo não foi fácil e começou equilibrado com os dois times se estudando. O time do Professor Rubinho começou utilizando o Ígor como fixo para proteger a defesa e, em uma bola rebatida pelo Afonso, o time de Lima Campos achou o gol. Com a derrota parcial o Valense foi pra frente e criou muitas chances de gol, mas o primeiro tempo terminou sem alteração no placar.
O segundo começou da mesma forma que terminou o primeiro, com pressão e perigo nos contra-ataques, mas não durou muito e Dedê empurrou a bola pras redes depois de um rebote do goleiro e vacilo da defesa do Grupo SP. Depois foi só continuar com o mesmo ritmo que os gols saíram com Joalisson e Jeferson. O Grupo SP descontou com uma bola chutada e desviada em várias pessoas na defesa e, quando o time ia pra pressão em busca do empate, o Misa fez aquela pintura citada no início da matéria. Final Valense 4x2 GRUPO SP.

"Depois de vibrar muito com o time fiquei muito feliz com o Misa, até porque ele era um dos muito criticados nas últimas campanhas do time e só lhe faltava a confiança que somente uma jogada desta dá ao atleta porque o cara joga muito e arrebenta nos treinos e nas peladas. Um gol desses vai contribuir muito não só pra ele como também para a equipe que estava precisando de uma boa vitória como esta sobre um dos favoritos para afastar a fase ruim." Comentou o Professor Rubinho.

No segundo jogo da noite, o Setor de Coroatá venceu o Pedreirense do Pelezinho por 8x4 com destaque para o goleiro do Pedreirense que, apesar de ter pego 8 gols, evitou com que sua equipe saísse com uma goleada maior. O Aiup ainda marcou três gols para o Pedreirense.
Setor, time que dá show de bola nas quadras.

Pedreirense do Pelezinho.

O Campeonato Pedreirense desta ano está sendo disputado com a participação de 10 times divididos em duas chaves de 5, onde se classificarão 4 para a segunda fase. Os jogos acontecem aos sábados, segundas e quintas no Ginásio do Goiabal.

Participem! Só jogão de bola.

TAÇA FÃ DE ESPORTES CHEGA AO FIM COM SÃO MIGUEL CAMPEÃO

COLÉGIO SÃO MIGUEL DESBANCA FAVORITOS E LEVA A TAÇA PRA TRIZIDELA DO VALE
Foi no sábado 28 a grande final da 1ª Taça Fã de esportes de Futsal Estudantil entre o Colégio São Miguel e a turma 06, 3º ano Vespertino do Olindina. 
Gian, Luis Eduardo, Júnior Aragão e Professor Rubinho.
O jogo foi muito disputado e cheio de gols. Logo o início, o Olindina saiu na frente com o Walace, mas o Díéliton empatou a partida e virou com o Eduardo ainda no primeiro tempo. O time do Olindina foi em busca do placar e empatou a partida e o João Vitor fez o terceiro e fechou o placar. Final: São Miguel 3x2 Olindina.

O evento foi promovido pelo Professor de Educação Física das escolas envolvidas e contou com o apoio dos estagiários de Educação Física. A competição foi o início de uma série de eventos que o Blog Fã de Esportes irá promover na cidade. Aguardem.
Parabéns aos campeões e a todos que participaram.


Markus Diego, que brigava pela artilharia não conseguiu marcar e viu seu companheiro ficar com o prêmio.

Júnior Aragão se esforçando, mas o time de Trizidela estava muito inspirado e vibrante.

Professor Rubinho, Ermano Neto e Caissa, a cadela esportista do Professor comemorando junto com os atletas.



A comemoração foi em Trizidela do Vale, no espeto da Nice.

Galera do São Miguel no jantar de comemoração.

João Gadelha, sua mãe Nice e Luis Eduardo.

BRASILEIRÃO SÉRIE C: SAMPAIO EMPATA, MANTEM CHANCES DE CLASSIFICAÇÃO E FICA PERTO DA ZONA DE REBAIXAMENTO

Sampaio arranca empate com o Santa Cruz e mantém viva as chances na Série C

sampaiosantaO empate não foi bom, mas o Sampaio manteve viva as chances de classificação no Campeonato Brasileiro da Série C. Na noite deste domingo (29), o Tricolor maranhense ficou no 0 a 0 com o Santa Cruz no Estádio Arrudão e caiu para a oitava posição do Grupo A, com 26 pontos. Já o time pernambucano aparece na quinta posição, com dois a mais.
O Águia derrotou o Baraúnas por 3 a 1 e deixou a zona de rebaixamento, colocando novamente o Cuiabá, que só empatou em 1 a 1 com o CRB-AL. O Sampaio se aproximou ainda mais do Z3, mas o Tubarão tem um jogo a menos do que a maioria dos adversários.
Na partida, o Sampaio foi quem criou as melhores oportunidades, mesmo com o Santa Cruz com o maior número de posse de bola. As duas equipes também acertaram bola na trave, uma em cada tempo.
Agora, o Sampaio terá dois jogos seguidos em casa. No próximo domingo receberá o CRB e no dia o Rio Branco-AC, ambos no Castelão. Já o Santa Cruz vai até a capital acreana para enfrentar o Rio Branco, nesta quinta-feira.

Fonte: O Imparcial

sábado, 28 de setembro de 2013

MARANHÃO VÔLEI ESTRÉIA NA SUPERLIGA

Maranhão Vôlei perde na estreia da Superliga Feminina

voleisuperligaO Molico/Nestlé (SP) estreou com vitória na Superliga feminina de vôlei 13/14. Dentro de casa, as atuais vice-campeãs da competição venceram o Maranhão Vôlei/Cemar (MA) por 3 sets a 0 (21/11, 21/17 e 21/16), no ginásio José Liberatti, em Osasco (SP).
A líbero Camila Brait foi eleita a melhor jogadora da partida e ficou com o Troféu VivaVôlei. Para a jogadora da equipe de Osasco, a partida foi importante para dar ritmo de jogo ao time da casa.
“Foi uma boa partida. Tivemos alguns altos e baixos, mas foi importante para nos adaptarmos ao nosso novo ginásio e ao sistema de 21 pontos. Agora temos que treinar para ter uma atuação ainda melhor no próximo jogo”, disse a líbero.
Segundo o regulamento da Superliga feminina de vôlei 13/14, a levantadora do Maranhão Vôlei/Cemar, a argentina Yael Castiglioni, só estará regularizada para disputar uma partida pela competição na próxima QUARTA-FEIRA (02.10). Como a jogadora participou do confronto desta sexta-feira, as maranhenses podem perder todos os pontos conquistados em Osasco, perdendo a partida desta forma por 3 sets a 0 (21/0, 21/0 e 21/0). A Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) receberá a súmula do jogo na próxima SEGUNDA-FEIRA (30.09) e, caso alguma irregularidade seja encontrada, o resultado será publicado em nota oficial.
O JOGO
A levantadora Fabíola, do Molico/Nestlé conseguiu com um ace o primeiro ponto da edição 13/14 da Superliga feminina. O time de Osasco começou melhor e fez 7/3. Bem no saque e no ataque, a equipe da casa seguiu melhor no segundo tempo técnico (16/7). Com tranquilidade e numa boa atuação de Sheilla, as atuais vice-campeãs da Superliga venceram o primeiro set por 21/11.
O Maranhão Vôlei/Cemar melhorou no segundo set e chegou a empatar a parcial (12/12). Sheilla e Gabi se destacaram no ataque e Fabíola trabalhou as jogadas com velocidade. Desta forma, o time de Osasco se manteve na frente, cresceu de produção no final da parcial e venceu o set por 21/17.
O Maranhão Vôlei/Cemar abriu três pontos no início da terceira parcial (8/5). Bem no saque, o Molico/Nestlé empatou (8/8). A partir deste momento, o time da casa tomou a liderança do placar e se manteve na frente até o final fechando o set por 21/16 e o jogo por 3 sets a 0.

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

ENFIM, UM TIME MARANHENSE NA SUPERLIGA DE VÔLEI.

Maranhão Vôlei/Cemar estreia na Superliga diante do Molico/Nestlé

BIAMAN PRADO_0036 (Large)Após mais de dois meses de preparação, chegou o dia da estreia do Maranhão Vôlei/Cemar na Superliga Feminina de Vôlei. A equipe joga nesta sexta-feira (27) às 21h30 contra o Molico/Nestlé, na cidade de Osasco, em sua primeira temporada na principal competição brasileira da modalidade que durará até a metade do primeiro semestre de 2014
Logo no primeiro jogo, o Maranhão Vôlei/Cemar enfrentará o atual vice-campeão da Superliga ecampeão mundial em 2012. A equipe paulista conta com jogadoras em nível de Seleção Brasileira como Sheilla, Thaisa, Adenizia e Camila Brait. Porém, nada que assuste o técnico Chicão.
“Claro que nós temos que respeitar porque é uma equipe de muita qualidade. Existem jogos onde precisamos conseguir somar pontos extras. Contra o Osasco, uma derrota por 3 a 2 onde ganharíamos 1 ponto já seria um bom resultado. Mas vamos tentar impor o nosso ritmos de jogo e nos superar” observou.
Vale lembrar que o Maranhão Vôlei/Cemar é a única representante do Norte-Nordeste na Superliga. O jogo terá transmissão do canal SporTv e abrirá a disputa da Superliga Feminina. O primeiro jogo da equipe maranhense no Ginásio Castelinho só será realizado na 3ª rodada, diante do Brasília Vôlei no dia 22 de outubro.
O Maranhão Vôlei/Cemar é patrocinado pela Companhia Energética do Maranhão (Cemar) e co-patrocinadores pela Wizard, Psiu e Ene. Além disso, tem o apoio do Governo do Estado, por meio da Lei de Incentivo ao Esporte, do Restaurante Dona Maria, do Laboratório Gênesis, da Eggos,da AABB, do Hotel Praia Mar e do Sistema Mirante de Comunicação.
Adversário
O Osasco Voleibol Clube, também conhecido pelo nome fantasia Molico/Nestlé ou simplesmente como Osasco, é uma equipe brasileira de voleibol feminino da cidade de Osasco que atua na Superliga Feminina
Com este nome, desde a temporada 2009/2010, a equipe paulista vem figurando em todas as finais de Superliga, conquistando duas das quatro finais disputadas. Porém, no ano passado a equipe foi superada na final pelo Unilever (RJ)
No entanto, em 2012, o Molico/Nestlé tornou-se o terceiro time brasileiro a conquistar o Campeonato Mundial de Clubes de Voleibol, vencendo o campeão anterior o Rabita Baku. do Azerbaijão na final.
Superliga
Na fase de classificação, as equipes jogarão todas contra todas no sistema de turno e returno. Ao fim dessa fase, as oito melhores equipes se classificarão para a fase oitavas de final.
Na disputa feminina, estarão a campeã Unilever, do Rio de Janeiro; Banana Boat/Praia Clube e Minas Tênis Clube, de Minas Gerais; Molico/Nestlé, Sesi-SP, Vôlei Amil, Pinheiros, Barueri, São Bernardo Vôlei, São Cristóvão Saúde/São Caetano e Uniara/Afav, do estado de São Paulo; Rio do Sul, de Santa Catarina, além de Brasília Vôlei e Maranhão Vôlei.

Fonte: Maranhão esportes

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

BEACH SOCCER: MARANHENSES CONTINUAM BRILHANDO NA SELEÇÃO

Maranhenses marcam e garantem o Brasil nas semifinais da Copa do Mundo

datinha01A Seleção Brasileira de Beach Soccer está nas semifinais da Copa do Mundo da Fifa, competição que está sendo realizada no Taiti. Na madrugada nesta quinta-feira (26), o Brasil sofreu para derrotar o Japão por 4 a 3 e avançar para as semifinais do Mundial. No entanto, a dupla maranhense resolve. Com um gol marcado cada um, Datinha e Eudin ajudaram o Brasil a avançar na Copa do Mundo.
Antes das quartas de final, Datinha e Eudin, que são naturais da cidade de Tutoia, haviam disputado todas as três partidas do Brasil na Copa do Mundo, mas haviam passado em branco, apesar das boas atuações da dupla. Mas o destino quis que a dupla maranhense resolvesse a vida da Seleção Brasileira diante dos japoneses com um gol cada um. Os outros gols brasileiros foram marcados por Daniel e Bueno.
“Ficamos felizes com o amadurecimento dos atletas maranhenses. Hoje eles foram muito importantes para a Seleção Brasileira. É a prova de que o beach soccer maranhense está crescendo a cada dia e revelando bons jogadores”, comentou o presidente da Federação Maranhense de Beach Soccer, Eurico Pacífico, que foi convidado para integrar a delegação brasileira na Copa do Mundo da Fifa.
Com o resultado de 4 a 3 sobre o Japão, o Brasil está nas semifinais da Copa do Mundo da Fifa pela sétima vez em sete edições da competição. Agora, a Seleção Brasileira irá enfrentar a Espanha, que passou por El Salvador. Na outra semifinal, a Rússia enfrenta o Taiti.

JEM'S 2013; CODÓ E TIMON FICAM COM O TÍTULO

JEMs: Escolas de Codó e de Timon são campeãs no ciclismo

Foto 2 - campeãs no ciclismoAs disputas da modalidade ciclismo da etapa estadual infanto dos Jogos Escolares Maranhenses (JEMs), competição promovida pela Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel), tiveram o domínio das escolas do interior do estado. Das cidades de Codó e Timon vieram todos os vencedores do ciclismo deste ano nas provas contra-relógio, circuito e revezamento. Com as vitórias nestas provas, que foram realizadas no Kartódromo João Sallem, as instituições de ensino desses municípios sagraram-se campeãs desta edição dos JEMs.
No feminino, a Escola Luzenir Matta Roma (Codó) conquistou o título geral. O destaque da instituição foi a atleta Edelnise Silva Xavier, uma das principais responsáveis pelo título geral da escola codoense. A jovem ciclista conquistou duas medalhas de ouro (contra-relógio e circuito), além do bronze no revezamento.
O detalhe da disputa feminina é que o pódio geral é todo da cidade de Codó. O Colégio Renê Bayma e o Colégio Edson Lobão, ambos de Codó conquistaram, respectivamente, segundo e terceiro lugares na modalidade.
Na disputa masculina o Colégio Clodomir Millet (Timon) simplesmente não deu chances às outras equipes. A escola timonense conquistou todas as medalhas de ouro possíveis nesta edição dos JEMs e garantiu o título geral no ciclismo masculino.
Na prova contra-relógio, Francisco José Sousa levou o ouro. Já na prova de circuito, a medalha dourada ficou com Ivan Felipe Borges. E, no revezamento, vitória fácil dos timonenses sobre os colégios Estevam Ângelo (Codó) e Nascimento Moraes (Imperatriz), que terminaram a prova na segunda e terceira colocações.  
Informações, programação e outros resultados e fotos da Etapa Estadual dos JEMs estão disponíveis no site da Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (Sedel). O endereço é o www.esporteelazer.ma.gov.br.

CLASSIFICAÇÃO GERAL FEMININO
1. Escola Luzenir Matta Roma (Codó) – 14 pts
2. Colégio Renê Bayma (Codó) – 10 pts
3. Colégio Edson Lobão (Codó) – 8 pts

CLASSIFICAÇÃO GERAL MASCULINO
1. Colégio Clodomir Millet (Timon) – 22 pts
2. Colégio Estevam Ângelo (Codó) – 8 pts
3. Colégio Leôncio Pires Dourado (Imperatriz) – 4 pts

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

TAÇA FÃ DE ESPORTES DE FUTSAL ESTUDANTIL: FINAL DEFINIDA

FAVORITOS DÃO ADEUS À TAÇA FÃ DE ESPORTES
Goleiro Anderson defendendo o chute do vice artilheiro Walace.


A sala 06 vespertina enfrentará o São Miguel na final.
Nesta quarta 25 aconteceram as duas semifinais que definirão o grande campeão da Taça Fã de Esportes de Futsal Estudantil 2013. Mas uma vez, os times que eram considerados favoritos deram adeus à competição.



Júnior Aragão e Wytalo antes da primeira semifinal.

Na primeira semifinal, o time do 3º ano do Matutino do Olindina enfrentou o também 3º do Vespertino, ambos sendo sala 06, mas o time da tarde, do Júnior Aragão levou a melhor e venceu por 6x4. Um jogo muito emocionante e cheio de viradas. Logo no início da partida, o Walace abriu o placar para o time da tarde e segurou até o final do primeiro tempo, quando em apenas três minutos, o time do matutino não apenas conseguiu o empate como virou a partida para 3x1 com dois gols do Raymisson e 1 do Yago. O segundo começou tranquilo para o time da manhã que se acomodou com o placar e o Walace marcou dois gols e empatou a partida. E aos 7 minutos o Diego marcou o quarto gol para a equipe da tarde, mas logo em seguida o Alailson conseguiu o empate e, somente aos 12:40min o Eduardo e aos 13:40min o Diego fechou o placar. Final: sala 06 3º ano Vespertino 6x4 sala 06 3º ano matutino.
O São Miguel desbancou outro favorito e está na final da competição.

Na segunda semifinal, a equipe de Trizidela do Vale, que havia perdido o confronto da primeira fase pra sala 04 por 2x0 prometia jogar motivado e dar um destino diferente ao jogo. Já a sala 04 2º vespertino do Olindina se apresentou à partida sem um dos principais jogadores, o Elinaldo Júnior, que segundo seus companheiros sumiu do radar. 
Lucas Lima e Luis Eduardo, antes da segunda semifinal.
No entanto, o jogo foi equilibrado e terminou sem abertura do placar o primeiro tempo. No segundo, o time do São Miguel continuou no mesmo ritmo e, colocou o Cristiano Ferreira no jogo no lugar do Marcos Silva, o popular Gugu. Com a substituição e o cansaço da sala 04, que não tinha reserva, o Cristiano marcou dois gols em jogadas rápidas de ataque. O time da tarde de Pedreiras tentava descontar com o Lucas Lima fazendo de tudo pra marcar um gol e se isolar na artilharia do campeonato, haja visto que estava empatado com o Thiago com 7 gols. No entanto, o time de Trizidela cansou de perder gols em contra ataques rápidos, mas conseguindo com o João Gadelha e o Dieliton dar números finais ao jogo. Final: São Miguel 4x0 sala 04 2º vespertino Olindina.
A grande final acontecerá sábado no Tiro de Guerra a partir das 16h.
Torcida feminina do Newton Bello embelezando o espetáculo lideradas pelo Josué.
3ª FASE -   SEMIFINAIS

DATA: 4ª feira  25.09.13  – HORÁRIO: A partir das 16:00h
LOCAL: Ginásio Municipal do Tiro de Guerra de Pedreiras

Jogo
Gp
Equipe A
Placar
Equipe B
17
A
Sala 06 – 3º Vespertino- Olindina
Venc. Jogo 13
6 X 4
Sala 06 – 3º Matutino
 Olindina
Venc. Jogo 14
18
B
SÃO MIGUEL
Venc. Jogo 15
4 X 0
Sala 04 – 2º Vespertino
Olindina
Venc. Jogo 16

No detalhe da tabela de artilharia estão destacados os jogadores que ainda têm chance de marcar na competição. Grande perigo para o Thiago e o Lucas Lima, que poderia ter se distanciado, pois perdeu uma penalidade na partida de hoje, líderes na tabela, mas seguidos de perto pelo Walace e o Diego, atletas que jogarão a final.

ARTILHARIA DA COMPETIÇÃO

JOGADOR
EQUIPE
GOLS
Thiago Matheus
Sala 05 3º Vesp Olindina
07
Lucas Lima
Sala 04 2º Vesp Olindina
07
Markus Diego
Sala 06 3º Vesp Olindina
06
Walace da Costa
Sala 06 3º Vesp Olindina
06
Regys Wangley
Sala 03 2º Vesp Olindina
05
Denys Douglas
Sala 04 3º Mat. N. Bello
03
Pedro Yago
Sala 03 2º Vesp Olindina
03
Jean Carlos
Sala 06 3º Mat Olindina
03
Romário Claro
PROFESSORES
03
Witalo de Sousa
Sala 06 3º Mat Olindina
03
Rahymison Araújo
Sala 06 3º Mat Olindina
03
Eduardo Henrique
Sala 06 3º Vesp Olindina
02
Cristiano Ferreira
São Miguel
02
Dieliton dos Santos
São Miguel
02
Valdiones de Sousa
Sala 04 3º Mat. N. Bello
02
Josué de Sousa
Sala 02 1º Mat. N. Bello
02
D’jardel Marques
Sala 05 3º Vesp Olindina
02
Daliton da Costa
PROFESSORES
02
Maik Leonardo
Sala 05 3º Vesp Olindina
02
Lucas Araujo
Sala 04 3º Mat. N. Bello
01
Brendo Matheus
Sala 05 3º Mat. Olindina
01
Matheus Sousa
Sala 05 3º Mat. Olindina
01
Valdinei Sousa
Sala 06 2º Mat N. Bello
01
Marcos Vinícius
Sala 06 2º Mat N. Bello
01
Antonio Nascimento
Sala 04 2º Vesp Olindina
01
Eduardo Araujo (Dino)
PROFESSORES
01
Talisson Renato
Sala 01 – 1º vespertino - Olindina
01
Rafael Nunes
PROFESSORES
01
Cristino Araujo
Sala 06 3º Mat Olindina
01
Diego Silva
Sala 06 3º Mat Olindina
01
Matheus Oliveira
Sala 03 2º Vesp Olindina
01
João Victor
São Miguel
01
Alex Nascimento
Sala 04 2º Vesp Olindina
01
João Gadelha
São Miguel
01
Yago S. Leite
Sala 06 3º Mat Olindina
01
Alailson Lima
Sala 06 3º Mat Olindina
01






BEACH SOCCER: MARANHENSES BRILHAM NA SELEÇÃO BRASILEIRA

Maranhenses ganham espaço na Seleção Brasileira de Beach Soccer

eudin1Até agora, foram três jogos realizados e três vitórias conquistadas. A Seleção Brasileira de beach soccer está muito bem na Copa do Mundo da Fifa, competição que está sendo realizada no Taiti. Classificado para as quartas de final com 100% de aproveitamento, o Brasil terá pela frente o Japão em busca de um lugar nas semifinais.
A esperança brasileira para avança na Copa do Mundo está na ótima fase de Bruno Xavier, artilheiro da equipe com 8 gols. No entanto, a Seleção Brasileira não é composta apenas por Bruno Xavier. Outros jogadores também estão fazendo um Mundial muito bom. É o caso dos maranhenses Datinha e Eudin.
A dupla, natural da cidade de Tutoia, ajudou o Brasil a conseguir bons resultados na primeira fase da competição, apesar de ainda não terem balançado as redes adversárias.
Mais experiente na Seleção Brasileira, Datinha ganhou a confiança do técnico Junior Negão e se firmou no time titular. Atuou nos três jogos do Brasil e deu duas assistências para gols brasileiros. Além disso, o maranhense está tendo um papel muito importante na marcação. Já Eudin, tem entrado bem no decorrer nos jogos e está aproveitando as oportunidades.  
O fato de Datinha e Eudin estarem na Seleção Brasileira mostra o crescimento do beach soccer no Maranhão. “É importante vermos que o trabalho de crescimento da modalidade no Estado está dando resultados. Fico feliz em poder presenciar a ascensão de dois atletas maranhenses”, declarou o presidente da Federação Maranhense de Beach Soccer, Eurico Pacífico, que foi convidado para integrar a delegação brasileira na Copa do Mundo da Fifa.